Pedro Lucas e Richard sobem para time principal do Inter

alex steffen
por alex steffen dezembro 1, 2018 13:09

Pedro Lucas e Richard sobem para time principal do Inter

Com o Inter garantido na Libertadores de América de 2019, logo se pensa em reforços de peso. Mas, se a tradição colorada é obter grandes títulos com atletas formados na base, como o icônico Paulo Roberto Falcão, convém fazer uma bela de uma mescla. E, para a alegria dos jogadores que estão em começo de carreira, sete nomes já foram anunciados para compor o elenco principal em 2019: Bruno Fuchs, Roberto, Ramon, Sarrafiore, Richard, Pedro Lucas e Nonato.
Ops, Richard? Pedro Lucas? Não são os guris que se destacaram no sub-23 e até foram campeões em 2017 e vice em 2018? Sim. E mais, para a alegria dos torcedores do vale do Caí, são crias da região mais alemã do Estado.
Richard Alexandre já é conhecido dos torcedores, pelas boas participações pela base. Neste ano, figurou em algumas convocações de Odair Hellmann para jogos deste Brasileirão e ficou na reserva. Gaúcho de Barão, fez 19 anos em outubro. Tem 1m76cm e faz da velocidade e do drible as suas armas.
Por fim, Pedro Lucas Schwaizer, centroavante, 20 anos e 1m78cm, é outro que chegou o clube nas escolinhas. É gaúcho de Esteio, mas criado em Vale Real, próximo de Caxias do Sul. Começou no Juventude, onde seu tio, Edson, fez parte do grupo campeão da Copa do Brasil em 1999. É jogador de área, de bom cabeceio e destro. Chegou ao Inter muito jovem depois de ser descoberto pelo tio Edson “Tida” Kaspary.
Ok! Vai ter lugar para os guris entre os 23 da Libertadores? Afinal, são jovens ainda e o time deve contar com Damião e Guerrero no comando de ataque. Bem, eis uma grande incógnita, mas como estão começando, fazer parte do elenco já é muito interessante, pois haverá mais competições em que o Inter jogará, como Gauchão, Copa do Brasil e Brasileirão. Oportunidades haverão de surgir e eles, é claro, deverão fazer bonito, como fazem sempre.
Esta é uma chance e tanto para os jovens talentos, podendo jogar ao lado de caras como Nico Lopes e o maestro D’alessandro. Crescerão ainda mais como atletas para seguirem a carreira que tanto sonharam.
No vale do Caí, recentemente, poucas são as revelações de destaque, estando entre elas Alan Schons, de Bom Princípio, que hoje atua em Portugal.
E para o deleite dos colorados, tem mais gente boa pintando por aí, pois na base surge o zagueiro Volnei Feltes, que é de Feliz, e pode, dentro em breve, também subir para o elenco principal. A dedicação dos jovens, hoje, os enaltece em meio a tantos que sonham com o mundo da bola.

alex steffen
por alex steffen dezembro 1, 2018 13:09